5.4.3. Há sinais específicos observáveis num animal para confirmar que é portador de raiva?

Os sintomas clínicos da raiva raramente são conclusivos e em caso de suspeita de exposição aconselha-se proceder a eutanásia sem sofrimento e a análise do tecido cerebral pelo teste de imunofluorescência num laboratório de diagnóstico confiável. No entanto, se existirem dispositivos para enjaular o animal, este pode ser capturado e ficar em observação diariamente para detecção de eventuais sintomas clínicos da raiva.Se o animal permanecer vivo decorridos mais de 10 dias, o diagnóstico de raiva pode ser eliminado. Se o animal morrer no prazo de 10 dias, o tecido cerebral deve ser analisado. Para saber mais sobre o método dos «seis critérios» para um diagnóstico persumívelda raiva em cães vivos, clicar aqui.




página anterior: 5.4.2. Por que é importante a vigilância epidemiológica e que fazer para melhorà-la?

página seguinte: 5.4.4. Como eliminar os animais mortos por raiva?






Página de abertura do sítio | Contacto | Planta do sítio |
Segunda versão; última atualização em julho de 2013